Ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil assina projeto para melhorar estrutura do Porto do Itaqui

FONTE PORTOS E NAVIOS – Matéria publicada em 19 de janeiro de 2017

O ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella, afirmou que o Porto de Itaqui (MA), é estratégico para o País por ser uma saída mais próxima dos mercados do hemisfério norte.

Ao realizar uma visita técnica no Maranhão, o ministro assinou ordens de serviço para melhorar o acesso ao porto.

“O Porto de Itaqui tem posição privilegiada. É nosso porto mais ao Norte e mais próximo desses mercados. Potencializar o escoamento da produção por esse porto vai garantir o barateamento de custos da nossa produção”, argumentou.

Quintella visitou obras como a BR-135, que teve a primeira fase finalizada, e garantiu que haverá “a conclusão definitiva da obra”. Ele ainda assinou uma ordem de serviço que que vai possibilitar o asfaltamento de 100 km da BR-226. “É o governo federal no Nordeste, trazendo obras, garantindo a retomada do emprego e do crescimento”, afirmou.

O Porto de Itaqui, juntamente com os terminais privados da Vale e Alumar, integra o segundo maior complexo portuário em movimentação de carga do País. Integrado diretamente a ferrovias e rodovias, a estrutura tem vantagens para produtores do eixo Centro-Norte, que conseguem escoar a produção a um custo menor.

Investimentos portuários

Além de Itaqui, os portos do País devem receber R$ 40 bilhões em investimentos privados nos próximos 25 anos, um incremento que foi possível depois da prorrogação de contratos pelo governo federal, da liberação de novas áreas e com a elaboração de novos projetos.

 

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil e do Porto de Itaqui

 

 

 

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: