Calendário de novos leilões de óleo e gás será apresentando entre agosto e setembro

FONTE PETRONOTÍCIAS – Matéria publicada em 22 de julho de 2020

O governo federal já está trabalhando para preparar um novo calendário de leilões de áreas de exploração e produção de óleo e gás, já que praticamente todas as rodadas previstas para 2020 foram suspensas.

A informação foi revelada hoje (21) pelo ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, durante entrevista coletiva virtual sobre os 60 anos da pasta. Segundo ele, o novo cronograma deve ser apresentado ao mercado entre agosto e setembro.

Para lembrar, por conta da pandemia do coronavírus, o Ministério de Minas e Energia suspendeu a realização da 17ª Rodada de Concessão e a 7ª Rodada de Partilha, ambas previstas inicialmente para este ano. “Nós estamos trabalhando nelas [nas novas rodadas]. Pretendemos também apresentar em agosto ou setembro o nosso calendário futuro. Para que nós tenhamos previsibilidade e que os investidores se preparem. E essa preparação se dá com bastante antecedência”, disse o ministro.

O governo só manteve em 2020 a realização do segundo ciclo da Oferta Permanente, que será o único leilão de óleo e gás do ano. Albuquerque acredita que, no futuro, esta será a principal modalidade de oferta de licitação de áreas no Brasil. “Eu acredito que isso é uma tendência natural dos leilões de petróleo e gás. As resoluções do CNPE apontam nesse sentido. Será uma oferta permanente e quando houver interesse, [o leilão] será realizado. E trará muitos benefícios para nosso setor”, avaliou.

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: