Ex-executivo da Odebrecht relata pagamento a Rodrigo Maia

FONTE JORNAL DO BRASIL – Matéria publicada em 10 de dezembro de 2016

Foto: Ex-executivo da Odebrecht relata pagamento a Rodrigo Maia. Foto: ABr

Na delação prestada ao Ministério Público Federal, o ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho citou ainda o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Melo Filho relata que, em 2013, pediu a Rodrigo Maia que acompanhasse a tramitação de uma medida provisória que dava incentivos a produtores de etanol e interessava a empreiteira.

“Durante a fase final da aprovação da MP 613, o deputado, a quem eu pedi apoio para acompanhar a tramitação, aproveitou a oportunidade e alegou que ainda havia pendências da campanha de prefeito do Rio de Janeiro em 2012. Solicitou-me uma contribuição e decidi contribuir com o valor aproximado de R$ 100 mil, que foi pago no início do mês de outubro de 2013”, afirmou.

De acordo com o executivo, Rodrigo Maia era visto por ele como ponto de interlocução dentro da Câmara na defesa dos interesses da empresa. Melho Filho afirma aindaque Rodrigo Maia já tinha recebido um pagamento em 2010. “Sei que o pagamento, no valor de R$ 500 mil, foi atendido”, disse.

Rodrigo Maia, afirmou que todas as doações recebidas foram legais e declaradas ao TSE e disse que nunca recebeu vantagem indevida para voltar qualquer matéria na Casa.

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: