Estados Unidos preparam no congresso punições formais a quem tiver colaborado com o gasoduto Nord Stream 2

FONTE PETRONOTÍCIAS – Matéria publicada em 13 de novembro de 2020

As sanções que podem prejudicar um dos projetos mais importantes da Rússia na Europa, o gasoduto Nord Stream 2, foram incluídas no projeto anual de política de defesa dos Estados Unidos.

A confirmação dessas sanções no compromisso da Lei de Autorização de Defesa Nacional entre legisladores na Câmara e no Senado, penalizariam as empresas que participam da construção do gasoduto, incluindo navios que ajudam nas operações de colocação de os dutos ou na movimentação de formações rochosas no fundo do mar. As sanções também visam empresas que fornecem seguro ou seguro secundário para sua construção e certificação para o gasoduto na Dinamarca. O projeto se tornaria lei somente depois de ser aprovado por ambas as câmaras do Congresso e assinado pelo presidente Donald Trump.

O Nord Stream 2, projeto de US$ 11 bilhões liderado pela empresa estatal russa Gazprom, dobraria a capacidade do gasoduto existente para levar gás para a Europa, via Alemanha. A obra, é uma segunda linha, contornando a Ucrânia, que depende de lucrativas taxas de trânsito do gás. A Gazprom e a Alemanha afirmam que o Nord Stream 2 é um projeto puramente comercial. A demanda de gás na Alemanha está crescendo à medida que reduz a dependência da energia nuclear e do carvão. O governo Trump e legisladores de ambos os partidos acreditam que o gasoduto fortaleceria a influência econômica e política do presidente Vladimir Putin sobre a Europa.

Os Estados Unidos querem aumentar as exportações de gás natural liquefeito para a Europa. Os defensores das sanções esperam que as medidas impeçam a Gazprom de usar o Akademik Cherskiy, um navio russo de colocação de tubos, para terminar um trecho final de 150 km do projeto em águas dinamarquesas. As sanções americanas afetariam direta ou indiretamente cerca de 120 empresas de mais de 12 países europeus.

 

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: