BC argentino eleva juro dos títulos “Leliq” de 36% para 38%

FONTE REUTERS – Matéria publicada em 12 de novembro de 2020

Foto: Operadores na Bolsa de Valores de Buenos Aires (BCBA), Argentina. 2 de setembro de 2019. REUTERS/Agustin Marcarian

By Reuters Staff

BUENOS AIRES (Reuters) – O banco central da Argentina elevou nesta quinta-feira as taxas de juros dos títulos ‘Leliq’ e de operações compromissadas passivas, disse um porta-voz da instituição, com o objetivo de realinhar os rendimentos às pressões cambiais apresentadas pelo mercado nacional.

A taxa dos títulos “Leliq” subiu para 38%, de 36% anteriormente, nível semelhante ao do início de outubro.

Por sua vez, os juros das compromissadas de um dia aumentaram para 32%, de 31% anteriormente, e as taxas das operações de sete dias subiram para 36,5%, contra 34,5% de antes.

 

Reportagem de Jorge Otaola

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: