Petrobrás teve redução adicional de R$ 2 bilhões em gastos operacionais por causa da Covid-19

FONTE PETRONOTÍCIAS – Matéria publicada em 10 de junho de 2020

O aperto nas contas da Petrobrás para segurar os gastos já resultou em uma redução adicional de US$ 2 bilhões nos seus gastos operacionais.

O valor foi obtido graças à postergação de gastos com recursos humanos e às otimizações de capital de giro e a redução de US$ 12 bilhões para US$ 8,5 bilhões nos investimentos programados para 2020.

Os dados constam no Relatório de Sustentabilidade divulgado pela estatal nesta quarta-feira (10). O documento reserva uma seção especial para falar dos impactos da Covid-19 em suas operações e finanças.

O relatório lembra ainda que a Petrobrás fez o desembolso de linhas de crédito compromissadas no valor de cerca de US$ 8 bilhões. A companhia ainda tem planos de postergar o pagamento de dividendos que somam R$ 1,7 bilhão, proposta que será avaliada na Assembleia Geral Ordinária marcada para 31 de julho.

A estatal também citou a hibernação de 62 plataformas em campos de águas rasas das bacias de Campos, Sergipe, Potiguar e Ceará. “A parada dessas unidades corresponde a um corte de produção de 23 mil barris de petróleo por dia. Tais plataformas não apresentavam condições econômicas para operar com preços baixos e 80% delas não estavam habitadas”, explicou.

 

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: