PETROBRÁS NÃO DESCARTA NOVA QUEDA NOS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS PARA FICAR ALINHADO COM MERCADO INTERNACIONAL

FONTE PETRONOTÍCIAS – Matéria publicada em 09 de novembro de 2016

Um dia depois de anunciar a segunda queda nos preços dos combustíveis, a Petrobrás sinaliza que pode voltar a reduzir os preços.

Basta que as cotações internacionais permaneçam em queda. A informação é do próprio diretor de refino e gás da Petrobrás, Jorge Celestino, em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (9). A avaliação é feita pela estatal uma vez por mês e considera, além do mercado internacional, o nível de importações pelos concorrentes da empresa. Celestino disse que as cotações dos derivados no mercado internacional caíram 12% desde a última reunião do grupo interno que avalia os preços dos combustíveis. Além disso, a participação da companhia no mercado interno de diesel caiu de 86% para 82%. Em outubro, empresas privadas importaram 1 bilhão de litros do combustível.

O diretor Jorge Celestino disse ainda que os preços da companhia estão alinhados  ao mercado internacional e que eles são bastante competitivos. A Petrobrás espera que com os novos cortes caiam as importações por empresas privadas. Mas previu que  em caso de manutenção da tendência de queda nas cotações internacionais, os preços voltem a cair. A estatal que ter  seus preços alinhados em relação ao mercado internacional.

 

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: