Orçamento da empresa que vai gerenciar pré-sal será de R$ 15 milhões em 2013

FONTE: R7

Diretores da PPSA serão oficialmente nomeados até a próxima terça-feira (15)

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, anunciou, nesta segunda-feira (14), os nomes dos diretores da PPSA (Pré-sal Petróleo S/A), empresa que será responsável por gerir a exploração dos poços de petróleo na área do pré-sal.

De acordo com o ministro, todos serão oficialmente nomeados até a próxima terça-feira (15) e logo em seguida a empresa começa a funcionar.

— São todos profissionais da mais alta categoria, foram servidores da Petrobrás por muito tempo e depois ganharam o rumo da iniciativa privada e são dirigentes de grandes empresas nacionais e internacionais.

Segundo o ministro, o orçamento estimado para  a nova empresa é de R$ 15 milhões para 2013, dinheiro que deve ser usado para suprir as necessidade iniciais. Para o ano que vem, será elaborado um novo orçamento.

O presidente escolhido foi Oswaldo Pedrosa, formado em engenharia Mecânica pela UFF (Universidade Federal Fluminense). Ele trabalhou por 25 anos no Centro de Pesquisa da Petrobras. Apesar da possível rivalidade que possa existir entre a PPSA e a Petrobras, o presidente da nova empresa garante que as estatais vão trabalhar juntas.

— Tem que haver uma convergência de interesses entre a PPSA e seu parceiros, e aí incluída a Petrobras como operadora do pré-sal.

Diretores

Para compor a direção da PPSA, Edson Nakagawa será nomeado como diretor técnico e de fiscalização; Renato de Matos foi escolhido como diretor de gestão de contratos e Antonio Cláudio Pereira da Silva será o diretor de administração, controle e finanças.

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: