IBP COMEMORA 59 ANOS DE OLHO NOS DESAFIOS DA NOVA INDÚSTRIA DO PETRÓLEO NO BRASIL

FONTE PETRONOTÍCIAS – Matéria publicada em 21 de novembro de 2016

O IBP – Instituto Brasileiro do Petróleo – está comemorando nesta segunda-feira (21) o seu 59º aniversário.

O instituto é presidido atualmente pelo experiente profissional Jorge Camargo  que comanda cerca de 1.500 colaboradores em áreas técnicas, regulatórias e institucionais, com o objetivo de promover a cooperação entre os representantes de toda a indústria de petróleo, gás e biocombustíveis e seus públicos de interesse, gerando e disseminando conhecimento e estimulando negócios para o desenvolvimento do setor e do país. Representante das grandes operadoras de petróleo, o IBP vem defendendo atualmente como uma de suas principais bandeiras, a flexibilização das leis de conteúdo nacional, numa iniciativa que cria muitas controvérsias ao mercado de fornecedores do país e se opõe às Federações das Indústrias do Rio de Janeiro, São Paulo e da Abimaq. Um confronto de opiniões que será  tranquilizado ou acirrado de acordo com a decisão que o Ministério das Minas e Energia tomar ainda  em dezembro. Até lá, seguem as regras estabelecidas que são coordenadas pela ANP.

Jorge Camargo gravou e distribuiu um vídeo postado no Youtube dirigido aos seus associados  e à  integrantes da indústria do petróleo dizendo o seguinte:

“ Hoje é o aniversário do IBP, que completa 59 anos. Uma história muito bonita que se confunde com indústria de petróleo brasileira. Uma história de que muito nos orgulhamos.  Esse IBP, com tantos serviços prestados à indústria do petróleo brasileira, e que deixa para nós hoje, que carregamos a bandeira do IBP, um legado de credibilidade, de reputação, e a nossa imensa reponsabilidade de carregar e levar a níveis ainda mais altos. Então,  eu quero hoje, dia do aniversário do IBP, agradecer a todos vocês, sócios, pré-associados, colaboradores, profissionais, gente da indústria, porque hoje também é o dia do aniversário do IBP e da indústria do petróleo, por toda essa contribuição. E aproveitar esse dia de comemoração pra gente conseguir energia para esta nova para esta nova etapa, esta nova fase que a indústria do petróleo está vivendo e que vai precisar mais do que nunca do IBP.” 

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: