Ibovespa recua com desconforto fiscal, mas fecha acima de 100 mil pontos com ajuda de NY

FONTE REUTERS – Matéria publicada em 26 de agosto de 2020

Reuters Staff

SÃO PAULO (Reuters) – Preocupações com a situação fiscal brasileira voltaram a pressionar a bolsa paulista nesta quarta-feira, com o Ibovespa chegou a trabalhar abaixo dos 100 mil pontos no pior momento, apesar de novas máximas registradas em Wall Street.

Índice de referência do mercado acionário do país, o Ibovespa fechou em queda de 1,62%, a 100.462,51 pontos, segundo dados preliminares. Na mínima, chegou a 99.359,36 pontos. O volume financeiro somava 27,68 bilhões de reais.

Por Paula Arend Laier

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: