Dólar tem maior queda desde 1º de julho com ajuste

FONTE REUTERS – Matéria publicada em 16 de julho de 2020

Reuters Staff

SÃO PAULO (Reuters) – O dólar fechou em firme baixa ante o real nesta quinta-feira, num dia de volatilidade razoavelmente menor e com o real de novo descolando de boa parte de seus pares, embora desta vez para o lado positivo.

Analistas citaram expectativas de fluxo cambial e ajuste técnico para explicar a valorização da taxa de câmbio nesta sessão, depois de na véspera o real ter figurado entre as divisas de pior desempenho num dia de dólar globalmente fraco.

O dólar à vista caiu 1,04%, a 5,3279 reais na venda. A cotação variou entre queda de 1,42%, a 5,3074 reais, e alta de 0,19%, a 5,3939 reais —esta logo no começo do pregão.

Na B3, o dólar futuro tinha baixa de 0,85%, a 5,3290 reais, às 17h.

No exterior, o índice do dólar frente a uma cesta de rivais de países ricos subia 0,3%.

 

Por José de Castro

 

 

Os comentários estão encerrados.

%d blogueiros gostam disto: