Temer garante Aeroporto de Macaé no pacote de licitação

Porto de Imbituba cresce 14% no primeiro semestre e fecha junho com movimentação histórica
04/07/2018
Justiça ordena que Petrobras retenha pagamentos à SBM, diz empresa holandesa
05/07/2018

Temer garante Aeroporto de Macaé no pacote de licitação

FONTE TN PETRÓLEO – Matéria publicada em 04 de julho de 2018

Ao receber no início da noite da última terça-feira (03) a comissão de empresários representando várias instituições que foram à Brasília reivindicar a permanência do Aeroporto de Macaé no pacote de licitações marcadas para o final deste ano, junto com o Aeroporto de Vitória (ES), o presidente da República Michel Temer (MDB) afirmou a todos que não haverá nenhuma mudança e que o pedido está atendido.

Ele tomou a iniciativa de confirmar a decisão ao grupo, depois de ouvir o Ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil Valter Casimiro, o Secretário de Aviação Civil Dario Rais, o ministro de Minas e Energia Moreira Franco, o governador do Estado do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão, o deputado estadual Christino Áureo (PP) e a deputada federal Soraya Santos (PR-RJ), presidente da Comissão de Infraestrutura na Câmara dos Deputados.

A convite do governador e de Christino, o grupo de empresários que vem se mobilizando para fazer valer o que está no edital de licitações, foram recebidos no Palácio do Planalto no início da noite. Na ocasião o presidente da Associação Comercial e Industrial de Macaé (ACIM), Antônio Severino dos Santos, entregou ao governador e, posteriormente ao presidente Michel Temer, o livro histórico editado em que a ACIM comemorou os 100 anos de fundação.

A deputada federal Soraya Santos (PR), além de entregar as autoridades cópia do manifesto recebido por ela na última sexta-feira (29), em Macaé, revelou que a solicitação dos empresários macaenses demonstra a preocupação da sociedade em criar e ampliar a infraestrutura para atender às demandas que serão mais exigidas após o município alavancar com as novas contratações de empresas petrolíferas e a construção do novo terminal portuário.

Durante o encontro, o governador defendeu a manutenção do aeroporto de Macaé no mesmo leilão, a ser realizado pela Agencia Nacional de Aviação Civil (Anac) do aeroporto capixaba.

Christino Áureo ressaltou a importância do segmento estar unido e manter laços com a representatividade. “Como parlamentar não podia deixar de lutar por essa causa tão importante para a economia do nosso estado, especialmente de Macaé e do Norte Fluminense. Conquistamos mais uma vitória”, avaliou Christino Áureo.

Recentemente, o governador do Espírito Santo, Paulo Hartung, enviou ofício ao ministro dos Transportes, Valter Casimiro, pedindo a exclusão da unidade de Macaé do leilão do aeroporto de Vitória, alegando prejuízo ao interesse público do Espírito Santo. Para os participantes do encontro a reivindicação do governo capixaba era injusta, uma vez que o aeroporto de Vitória recebeu investimentos federais em obras de infraestrutura no valor de R$ 550 milhões, inauguradas em março deste ano.

Por falta de infraestrutura, o aeroporto fluminense perdeu voos de transporte de passageiros feitos por aeronaves de médio e grande portes. A companhia aérea Azul, por exemplo, deixou de voar para a unidade de Macaé, cuja pista estava em péssimo estado de conservação.

“Não era justo que apenas o aeroporto de Vitória, que já passou por uma ampla reforma recentemente, receba mais investimentos neste momento. Excluir Macaé seria extremamente nocivo para a economia fluminense, principalmente neste momento de retomada da indústria do petróleo”, destacou Pezão.

A Anac já iniciou o processo de concessão do bloco Sudeste. A proposta inclui o aeroporto de Macaé e o de Vitória em um bloco único, com valor de outorga de R$ 644 milhões e garantia de 30 anos de exploração para a empresa vencedora do leilão.

O encontro contou com a presença de Guilherme Braga de Abreu, do Convention & Business Bureau; Vitor Paulo Peixoto da Silva, da Rede Petro-BC; Evandro Capistrano Cunha, presidente da Comissão Municipal da Firjan; Marcio Santiago de Oliveira, do Convention & Business Bureau Brasil; Aristóteles Clinton da Silva Santos e Antonio Severino dos Santos, da ACIM; Leandro Souza Luzone Lima, secretário executivo da IADC BRAZIL; Hélio Batista dos Santos Filho e Leandro Gama Alvitos.

Fonte: O Debate, 04/07/2018

Compartilhe Isso:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com