Eficiência energética é tema de oficinas

Recuo na produção petrolífera da Venezuela abre espaço para concorrentes, dizem fontes
20/11/2017
CRESCE A PRESSÃO CONTRA A EXPLORAÇÃO DE PETRÓLEO NA BACIA DO ALENTEJO, EM PORTUGAL
20/11/2017

Eficiência energética é tema de oficinas

FONTE MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE – Matéria publicada em 20 de novembro de 2017

Foto: Aquecimento solar passivo. Reprodução Projeteee

De 28 a 30 de novembro, Ministério do Meio Ambiente realiza em Brasília capacitações gratuitas voltadas para edificações. Inscrições abertas.

LETÍCIA VERDI

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) realiza, entre os dias 28 e 30 de novembro, a 1ª Semana de Eficiência Energética em Edificações, como parte das atividades de encerramento do Projeto 3E – Transformação do Mercado de Eficiência Energética no Brasil. A programação conta com oficinas gratuitas de capacitação sobre os diversos aspectos da eficiência energética em edificações e melhores práticas de uso dos recursos energéticos junto à sociedade. O evento é uma realização do MMA em parceria do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

“As oficinas estão concentradas em duas áreas principais: uso de ferramentas e metodologias para apoiar a gestão energética de edifícios e contratação de projetos e obras voltados à eficiência energética no setor público”, destaca a coordenadora do Departamento de Políticas sobre Mudança do Clima do MMA, Alexandra Maciel.

Podem participar todos os interessados, sendo o público alvo projetistas, gestores e mantenedores de edificações, tanto do setor público quanto do setor privado. São 45 vagas para cada uma das 12 oficinas oficinas oferecidas. Confira aqui a programação.

SOLUÇÕES

Alexandra Maciel explica que o principal fator a se considerar para obter eficiência energética é observar as características climáticas da região, na hora de desenvolver o projeto. “Isso é primordial para que a edificação obtenha níveis de conforto ambiental, tanto térmico quanto luminoso, e precise utilizar o menos possível equipamentos de condicionamento de ar e iluminação elétrica nos períodos diurnos”, diz a coordenadora.

Para ajudar profissionais da área a encontrar as melhores soluções, o Projeto 3E disponibiliza, por exemplo, uma plataforma nacional chamada projeteee, que agrupa soluções e estratégias mais adequadas de acordo com a caracterização climática de mais de 400 cidades brasileiras. A plataforma recebe cerca de 20 mil acessos por mês.

Em edificações já construídas, segundo Alexandra, é possível adaptar e incluir proteções solares corretamente dimensionadas, aberturas que proporcionem ventilação natural, usar sistemas de resfriamento evaporativo ou aberturas zenitais para iluminação e ventilação, entre outras medidas.

PROJETO 3E

O Projeto 3E parte do princípio de que a promoção da eficiência energética em edificações é uma estratégia de relevância cada vez maior para a mitigação da mudança global do clima. O setor de edificações responde, atualmente, por mais de 40% do total da eletricidade consumida no Brasil.

Assim, o projeto tem como objetivo influenciar e desenvolver o mercado de eficiência energética em edificações comerciais e públicas, visando contribuir com a economia de até 106,7 TWh de eletricidade nos próximos 20 anos e com a redução de emissões de gases de efeito estufa em até 3 milhões de toneladas de dióxido de carbono (tCO2). Para isso, considera-se o fator médio de emissão do setor energético de 0,55 tCO2/MWh que foi contabilizado pelo método do Mecanismo de Desenvolvimento ALimpo (MDL) em 2013.

 

SERVIÇO

1ª Semana de Eficiência Energética em Edificações – Projeto 3E

Data: 28 a 30 de novembro de 2017

Local: Hotel Nacional, Brasília (DF)

Contato: projeteeenoclima@mma.gov.br

Acesse a programação

Faça aqui a inscrição

 

Compartilhe Isso:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com