Piauí acumula R$ 1 bilhão em negócios através da internet

Procurador da República quer fim da produção da Chevron
16/12/2011
Ipea: maioria dos brasileiros não crê em guerra no País em 20 anos
16/12/2011

Piauí acumula R$ 1 bilhão em negócios através da internet

“Em comparação com 2010, essa modalidade de negócios teve crescimento de cerca de 60%. Entretanto, o Estado perdeu R$ 500 mil com a indefinição de que Estado deve arrecadar o ICMS dessas vendas”, queixa-se o gestor.

Ainda sobre dados do Estado em 2011, o secretário antecipou que a arrecadação piauiense cresceu 13%. A expectativa é que somente a título de ICMS, o Piauí possa fechar o ano com cerca de R$ 2 bilhões arrecadados.

“Vamos ter mais rigor nas fiscalizações em 2012 para que não circulem mercadorias irregulares no Estado. Para o próximo ano, a meta é crescer em 13,46% a arrecadação do Piauí”, revela Silvano Alencar.

O secretário da Fazenda comparou a discussão sobre a divisão do ICMS entre Estado destino da mercadoria e Estado emissor, em transações on-line, à do pré-sal e à reforma da previdência: ainda sem resultado.

“O congresso nacional está sem foco. Há muita discussão e não se chega a um resultado concreto. Há uma falha do Congresso. O que se vê são discussões acalorada sem se chegar a nenhum lugar”, disse o gestor.

 

Flash de Yala Sena

Redação de Lívio Galeno

redacao@cidadeverde.com

Compartilhe Isso:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com