Em pleno desenvolvimento, Santos é terra de oportunidades

Nova rota para exportar grãos de MT deve consumir R$ 3 bilhões em investimentos
25/01/2013
Ibama autoriza produção de Sapinhoá Norte
26/01/2013

Em pleno desenvolvimento, Santos é terra de oportunidades

FONTE: PREFEITURA DE SANTOS

O setor energético coloca Santos no foco de grandes investidores. O marco foi a descoberta de petróleo na Bacia de Santos, divulgada em 2007, e a implementação da sede da Petrobras, em construção no bairro do Valongo e com entrega da primeira das três torres prevista para 2014. Até agora, a estatal gerou 1.300 empregos diretos e criará mais 6 mil postos. A previsão é de duas a três vagas indiretas para cada direta, ou seja, 12 mil a 18 mil novas vagas.

As principais empresas prestadoras de serviço, como Schlumberger, já chegaram à cidade desde o início da revitalização do Valongo, com novos empreendimentos comerciais, sendo que um deles vai reunir hotel, lojas e escritórios.

Para absorver o impacto esperado, a prefeitura toma medidas inclusivas e sustentáveis, segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação. Entre elas, o Parque Tecnológico, a Central de Oportunidades, o plano de mobilidade com expansão da malha cicloviária, implantação do sistema de bicicletas públicas, melhoria do transporte coletivo e implementação do VLT (Veículo Leve sobre Trilhos).

A infraestrutura é melhorada com obras de drenagem e contenções, para que a zona noroeste e os morros possam receber novos empreendimentos. A rede hoteleira atingirá quatro mil leitos até 2014; avançam as construções de escritórios e habitações de variados padrões. As oportunidades já empregaram sete mil pessoas e devem gerar mais 30 mil postos de trabalho na região nos próximos anos.

Pequenas empresas têm desconto em taxa de licença
A prefeitura oferece aos micros e pequenos empresários 50% de desconto na taxa anual de licença para funcionamento da empresa, incluindo as inscritas no sistema Simples Nacional. Está em estudo também a ampliação de facilidades para abertura de firmas por meio do projeto Consulta Prévia, que oferecerá ao empresário informações quanto ao local escolhido para o desenvolvimento do negócio.

Segundo a Sefin (Secretaria de Finanças), posteriormente está prevista a adesão ao SIL (Sistema Integrado de Licenciamento), realizado pelas três esferas governamentais.

Novos terminais geram mais empregos no setor portuário
No porto, a expansão se dá de várias maneiras, a começar pelos novos terminais: o Embraport, na área continental, e o BTP – Brasil Terminais Portuários, na região insular, com início das operações neste semestre, além do Saipem. Essas opções incrementarão a infraestrutura portuária, oferecendo importantes alternativas para atender a movimentação anual de cerca de 100 milhões de toneladas e gerando novos negócios e postos de trabalho.

Outros fatores que vão colaborar para a expansão do setor são o alargamento e aprofundamento do canal de acesso ao porto para 15 metros, a fim de possibilitar escala dos navios de maior calado; e o alinhamento do Cais de Outeirinhos, entre os armazéns 23 e 29, que beneficiará o Terminal de Passageiros, passando de três para seis atracações de navios de cruzeiro.

A Seport (Secretaria de Assuntos Portuários e Marítimos) colabora para a viabilização desses investimentos e a capacitação da mão de obra, via Cenep/Santos (Centro de Excelência Portuária de Santos).

Compartilhe Isso:

Comentários

comments

Os comentários estão encerrados.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com