Casco da P-55 segue para Rio Grande nesta semana

Primeiro navio sonda do Brasil será construído em Aracruz
20/12/2011
Saem licenças para estaleiro EBR e ampliação da Quip
20/12/2011

Casco da P-55 segue para Rio Grande nesta semana

Conforme a assessoria de imprensa da Petrobras, durante o próximo ano serão realizados em Rio Grande o acoplamento do deckbox (convés), as montagens de módulos, dos sistemas de geração, de processamento e exportação do óleo e gás, integração física dos sistemas e comissionamento final.

Do tipo semissubmersível, a P-55 será instalada no campo gigante de Roncador, na Bacia de Campos. A plataforma terá uma capacidade de produção de 180 mil barris diários de petróleo e compressão de 6 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural. Além dessa estrutura, o polo naval de Rio Grande tem como demandas confirmadas a construção, montagem de módulos e integração da plataforma P-63; a conversão do casco, construção e montagem de módulos da plataforma P-58 e a construção e montagem de oito cascos para FPSOs (complexos que produzem e armazenam petróleo).

O polo naval gaúcho vive ainda a expectativa se irá absorver parte da realização de 21 navios-sonda encomendados pela Petrobras. De acordo com a estatal, o processo licitatório para a contratação dos navios-sonda encontra-se em fase de negociação com a licitante melhor classificada.

 

Fonte: Jornal do Commercio (RS)

Compartilhe Isso:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com